Acesso a intranet

Telefone

  

Notícias

Morgan lança novo híbrido de milho superprecoce na Expodireto

Já disponível para o próximo Verão, o MG 300 é resultado de cruzamentosMorgan lança novo híbrido de milho superprecoce na Expodireto que tiveram como base um rico banco de germoplasma; experimentos e plantas em diversos estádios de desenvolvimento irão ilustrar resultados de novas técnicas de manejo e tecnologias como POWERCORE™

A Morgan Sementes e Tecnologia, marca comercial da Dow AgroSciences, apresenta na Expodireto Cotrijal, 10 a 14 de março, em Não-Me-Toque (RS), o híbrido de milho MG300. O novo híbrido, com ciclo superprecoce, já está disponível para os agricultores no próximo verão. Os visitantes que passarem pelo estande da Morgan também poderão observar outras parcelas e experimentos com a tecnologia POWERCORE™ e com o Tratamento de Sementes Industrial, soluções que visam a melhorar a produtividade e a estabilidade produtiva das lavouras.

A equipe da Morgan estará disponível no estande para apresentar os resultados do manejo adequado para o controle de pragas insetos. Para isso, foram preparadas parcelas com híbridos em fases iniciais de plantio: VT (pendoamento) e V5-V6, cerca de 21 após a emergência.

O resultado do manejo adequado e do tratamento de sementes poderá ser visto através de parcela comparando a sementes tratada x a não tratada.

Portfolio - Além do novo híbrido superprecoce MG 300, foram preparados plots demonstrativos com materiais já reconhecidos dos agricultores da região como 30A77, 30A68, agora em a nova versão PW (com POWERCORE™), 20A78, 20A55 e 30A37, em ponto de colheita. Para mostrar o potencial de produção massa verde e grãos dos materiais Morgan, também foi preparada uma área demonstrativa do 20A78HX em ponto de silagem.

Tecnologia - POWERCORE™, principal lançamento da DOW AgroSciences dos últimos anos, age por meio de cinco genes estaqueados e proporciona aumento na produtividade das lavouras de milho de acordo com o nível tecnológico da lavoura e das condições climáticas. São três proteínas BT distintas inseridas.

Esses múltiplos modos de ação permitem controle de algumas das principais pragas do milho – como a Lagarta-do-cartucho (Spodoptera frugiperda), Broca-do-colmo (Diatraea saccharalis), Lagarta-da-espiga (Helicoverpa zea), Lagarta-elasmo (Elasmo palpuslignosellus), Lagarta-rosca (Agrotis ipsilon) e Lagarta-das-vagens (Spodptera Eridania). Já a tolerância aos herbicidas glufosinato e glifosato, permitem flexibilização do manejo, otimizando maquinário e mão de obra de pulverização.

Já o Tratamento de Sementes Industrial (TSI) com Cruiser®, que está sendo demonstrado no evento, protege a lavoura contra diversos insetos e doenças iniciais.
FONTE: Agrolink