Notícias

Soja sobe nos EUA com reabertura do mercado

O preço da soja na Bolsa de Cereais de Chicago (CBOT) registrou na quarta-feira (03.06) alta de 7,00 pontos no contrato de Julho/20, fechando em US$ 8,575 por bushel. Os demais vencimentos em destaque da commodity na CBOT fecharam a sessão com valorizações entre 5,75 e 7,00 pontos.

“O USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) informou vendas de soja americana de 186.000 toneladas para destinos desconhecidos e o mercado levou a um aumento de preços adicional, especulando que o comprador é a China. Lembra-se que, ontem, as compras foram registradas por 132 mil toneladas do gigante asiático. Isso ocorre em um contexto de difícil relação político/comercial entre os dois países”, aponta a T&F Consultoria Agroeconômica.

De acordo com a Consultoria ARC Mercosul, os fundos de gestão ativa se mostram “fortes compradores dos mercados financeiros mundiais, incentivados pelo otimismo generalizado diante do processo de reabertura das economias. Entretanto, no mercado agrícola em Chicago o cenário é de apatia”.

A Consultoria estima que 50% de toda a safra de milho nos Estados Unidos já deverá entrar em polinização até 14 de Julho, o que limita a interferência de algum problema climático na definição do teto produtivo das culturas em campo. “Em outras palavras, a especulação entende que o mercado de soja e milho tem sido limitado por uma potencial oferta gigantesca nos Estados Unidos – em meio à uma demanda mundial em decadência pela retração de consumo”, concluem os analistas da ARC Mercosul.
FONTE: AGROLINK(Leonardo Gottems)