Notícias

Há chance de soja a R$ 80 no interior?

Segundo apurou a pesquisa diária do Cepea, os preços da soja no mercado físico brasileiro fecharam a sexta-feira (14.12) com os preços médios sobre rodas nos portos caindo 0,35%, para R$ 80,70 aumentando as perdas da exportação no mês de dezembro para 2,51%. Já nas praças de comercialização da oleaginosa no interior do País, a média de preços pesquisados do Cepea registrou queda de 0,30%, para R$ 75,52/saca, aumentando as perdas do mês para 2,98%.

De acordo com o analista da T&F Consultoria Agroeconômica, Luiz Fernando Pacheco, o preço atualmente pago nos terminais portuários é “um valor que os agricultores querem no interior, não no porto. A grande pergunta é: há chance de os preços retornarem aos níveis de R$ 80/83 no interior? Não vemos nenhum fator de alta que possa impulsionar os preços a curto ou sequer médio prazo, neste momento”.

Para que isto ocorresse, projeta Pacheco, seria preciso que os chineses multiplicassem por dez, num prazo muito curto (um mês e meio, antes do início da temporada brasileira de exportação) as compras feitas esta semana nos EUA, o que a maioria dos analistas acha difícil. Em segundo lugar, o especialista aponta que o Dólar no Brasil teria que permanecer acima dos R$ 4,00, mas “isto seria desejar que a economia brasileira vá mal e não seria bom pra ninguém”.

“Também teriam de ocorrer problemas climáticos que afetassem as safras na América do Sul. Atualmente há temperaturas excessivamente elevadas e falta de chuvas em algumas regiões, mas elas afetam mais o milho do que a soja e há previsão de boas chuvas já a partir desta semana no sul do Brasil”, conclui o analista da T&F.
FONTE: AGROLINK(Leonardo Gottems)