Notícias

Soja: Mercado se ajusta antes dos novos reportes do USDA e trabalha com estabilidade nesta 4ª

bolsa de chicagoOs futuros da soja negociados na Bolsa de Chicago trabalham com estabilidade na manhã desta quarta-feira (28), porém, do lado positivo da tabela. Perto de 7h45 (horário de Brasília), as cotações subiam entre 1,50 e 2,25 pontos entre as posições mais negociadas. Assim, o contrato julho/17 valia US$ 9,13 e o novembro - que além de ser a referência para a safra americana, já é o mais negociado - valia US$ 9,19 por bushel.

Os relatórios que o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) traz no final do mês - estoques trimestrais e área plantada da safra 2017/18 - já exigem um ajuste do mercado e um posicionamento dos traders. Os novos números serão reportados nesta sexta-feira, 30 de junho.

Ao mesmo tempo, segue o foco ainda sobre o clima nos EUA e o desenvolvimento das lavouras no Corn Belt, que entram agora em um dos meses mais importantes durante a temporada. E para meados de julho, as previsões já começam a indicar temperaturas mais altas do que o normal para a época e podem, se confirmadas, gerar especulação e volatilidade em Chicago.

Veja como fechou o mercado nesta terça-feira:

>> Soja sobe até 3% no Brasil nesta 3ª feira com dólar e clima nos EUA puxando futuros em Chicago

FONTE: Notícias Agrícolas(Carla Mendes)