Notícias

Soja: Preços buscam direção em Chicago e mercado caminha de lado

Os preços da soja na Bolsa de Chicago vem testando os dois lados da tabela na manhã desta quinta-feira (22). Por volta de 7h50 (horário de Brasília), perdiam entre 0,25 e 1 ponto, com o julho/17 valendo US$ 9,18 e o novembro/17 em US$ 9,27 por bushel. Um pouquinho mais cedo, as cotações registram leves ganhos.

As previsões climáticas permanecem no centro das atenções do mercado internacional e as condições melhores esperadas para os próximos dias acabam limitando altas mais expressivas ou um movimento de recuperação mais consistente.

Há uma tempestade tropical - Cindy - esperada para o Ohio Valley ainda neste final de semana, promovendo chuvas fortes e até algumas cheias em regiões pontuais. Já para as Planícies do Norte, até segunda-feira, é esperado tempo seco.

Ainda entre os fundamentos, o mercado espera, também para esta quinta-feira, a atualização das vendas semanais para exportação nos EUA por parte do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos). As expectativas do mercado variam de 200 mil a 400 mil toneladas para a safra velha, e algo entre 150 mil e 350 mil da safra nova.

No macrocenário, o petróleo segue no radar dos traders. Depois de alcançar as mínimas em mais de 10 meses, os futuros da commodity subiam mais de 0,5% tanto em Londres, quanto em Nova York, também buscando uma recuperação. Ao mesmo tempo, o dólar index tinha estabilidade e trabalhava com uma ligeira alta de 0,01% e com 97,24 pontos.

Veja como fechou o mercado nesta quarta-feira:

>> Soja fecha nas mínimas de três semanas em Chicago nesta 4ª com novas chuvas no Meio-Oeste

FONTE: Notícias Agrícolas(Carla Mendes)